Correr descalço ou com tênis?

A cada dia vemos mais pesquisas que afirmam que correr descalço tem suas vantagens. O centro dessa discussão é na forma como os pés tocam o chão quando estão descalços ou quando estão com tênis. A ideia é de que o tênis especializado para corrida, ou seja, indicado para corredores, é feito para amortecer certos impactos.


Pesquisas apontam que correr descalço tem suas vantagens

Correr descalço tem vantagens

O primeiro contato com o chão quando estamos usando tênis costuma ser com o calcanhar, e isso gera um impacto de força transiente, que significa que é como se o corpo todo parasse por um milésimo de segundo para depois continuar a pisada. Poucos corredores batem o pé por inteiro no chão ou começam a pisada pela parte da frente do pé.

 

Exceto quando correm descalços. Nesse caso, o primeiro contato é feito com a planta do pé para depois pisar com o calcanhar. Com isso, alguns cientistas defendem que o reflexo na musculatura de quem corre dessa maneira é cerca de três vezes menor no primeiro momento do contato no chão do que o de quem usa tênis com amortecimento.


A pisada com os tênis mais baixos (usados por corredores leves e de elite) já é mais semelhante à pisada com os pés descalços, porque os pés tendem a controlar melhor o movimento de transição para minimizar o impacto, já que os tênis são menos acolchoados.

Correr com os tênis nem sempre é a melhor opção

Correr com tênis

Outro estudo famoso feito pelo biólogo da Universidade de Harvard (EUA) e corredor Daniel Lieberman, publicado na revista Nature, também concluiu que correr descalço “parece ser” melhor para os pés, produzindo muito menos estresse de impacto em comparação a calçados de corrida especiais.
Vários testes e concluiram que correr descalço não é eficiente, pois usa quase 4% mais energia em cada passo do que correr com tênis. Ao correr descalço, a força gerada quando o pé atinge o solo é transferida para os músculos das pernas.

 


Café Verde para emagrecimento RÁPIDO!
Clique aqui e veja o video!

Deixe um comentário